Vai ter Copa.

terça-feira, 27 de maio de 2014

Mas falta patriotismo. Lembro de quando eu era criança e contava nos dedos a chegada da próxima Copa. A cidade inteira era tomada por uma euforia, por um mar de verde e amarelo, por um patriotismo que sempre dá as caras de 4 em 4 anos, mesmo sem ser convidado.
Lembro das camisas do Brasil que o meu pai comprava para toda família. Lembro da vaquinha que fazíamos com os moradores da rua para enfeitar a mesma. Lembro da bandeira do Brasil pintada no muro lá de casa. Da aglomeração de gente na varanda, já que lá era o QG da organização. Tempo bom.

Hoje bateu uma saudade da minha antiga casa toda enfeitada com bandeirolas verdes, azuis, amarelas e brancas. Das estrelas verde e amarela que a minha mãe desenhava em nossos rostos. Da roupas cheia de detalhes que nos lembravam em tudo a Copa. Das pessoas chegando..as tias com um prato de comida e os tios com cerveja e refrigerante. Da euforia quando saía um gol. De como aquele momento era mágico e transformava desconhecidos em melhores amigos de infância. Todo mundo se abraçava, pulava, alguns mais emotivos até choravam.

Faltando poucos dias para o inicio da Copa no Brasil, ainda não vi uma só residência enfeitada. Não vi uma rua pintada, as vendas da canarinho aquecidas no comércio..não vejo mais aquele brilho nos olhos, aquela ansiedade, aquela alegria que tinha dia e hora marcada para chegar.

No último bazar que fiz, caprichei em peças verde e amarelo e, acreditem, foram as únicas peças que sobraram. 

Separei minha antiga camisa da seleção, mas a pergunta é: será que vou usar? Espero que sim. Espero poder gritar, pular, sorrir, chorar e abraçar desconhecidos, resgatando aquele sentimento bom, que anda adormecido dentro de mim. 

0 Contando um conto e aumentando um ponto.:

Postar um comentário







Design e código feitos por Julie Duarte. A cópia total ou parcial são proibidas, assim como retirar os créditos.
Gostou desse layout? Então visite o blog Julie de batom e escolha o seu!