Eu tenho..

segunda-feira, 30 de janeiro de 2012

Uma enorme dificuldade em pedir ajuda. Na teoria, eu sei que seria bem mais fácil chegar para alguém, falar do que preciso e pedir. Simples assim. 
Mas na prática as coisas não são assim. Eu não consigo me abrir, expor meus problemas e admitir que fracassei quando deveria e poderia ter triunfado.
Conto nos dedos da mão esquerda (ou seria direita?) do Lula as raras vezes em que fiz isso.


Quem me conhece, sabe que, se eu parar para pedir ajuda, é porque a coisa está feia, mesmo. Muito feia.


Desde o mês de Agosto que eu venho tentando ordenar minhas ideias. Venho tentando fazer a coisa certa, quando nem eu mesmo sei o que é certo. De repente, a vida me levou o meu pilar de sustentação e eu me vi sozinha. Até ontem, digamos assim, eu não fazia nada. Era uma princesa com seus vários súditos sempre dispostos a servir. Mas aí o rei me deixou e não me preparou ou me disse como seria o mundo lá fora. 
Hoje, lavo, passo, cozinho, cuido de mim (ou o que mais perto disso eu consigo chegar) e tento combater meus medos e frustrações diariamente. Não é fácil, mas eu tento.


Família é importante, eu sei, mas optei por manter-me afastada da minha. Estava me fazendo mal. Me entristecendo. E de tristezas, eu ando cheia. Obrigada.


Toda essa longa introdução, foi apenas para dizer que, três semanas atrás, eu me despi de qualquer orgulho ou neura, e resolvi pedir ajuda para um primo, que no momento achei que seria o único capaz de me ajudar.
Ele atendeu e disse que na semana seguinte meu pedido seria atendido. Já se passarem três semanas e ele sempre diz: semana que vem.
Cansei.


Não tocarei mais no assunto. Deixarei morrer, assim como deixei o meu orgulho, quando o procurei. Aos poucos e a duras penas, estou aprendendo que quem se importa comigo sou eu mesmo.


E depois ainda perguntam porque sou desse jeito.

0 Contando um conto e aumentando um ponto.:

Postar um comentário







Design e código feitos por Julie Duarte. A cópia total ou parcial são proibidas, assim como retirar os créditos.
Gostou desse layout? Então visite o blog Julie de batom e escolha o seu!